Medalha  de São Paulo Apóstolo é oficialmente instituída

Medalha de São Paulo Apóstolo é oficialmente instituída

A medalha que traz a efígie do apóstolo São Paulo e a vista frontal da Catedral Metropolitana de São Paulo foi instituída oficialmente pelo Cardeal Arcebispo Dom Odilo Pedro Scherer em um encontro com as coordenações pastorais da Arquidiocese de São Paulo realizado pela Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação (Fapcom).

Dedicada a São Paulo Apóstolo, a medalha homenageará pessoas, entidades e instituições que se tenham destacado pela sua contribuição à vida e à missão da Igreja na Arquidiocese de São Paulo.

O Arcebispo Dom Odilo afirmou que a medalha é considerada um prêmio de reconhecimento que tem os objetivos de valorizar, assim como estimular e dinamizar a vida eclesial e pastoral na Arquidiocese, condecorada àqueles que se dedicaram a Igreja nas comemorações dos 270 anos de criação da Diocese de São Paulo. O Cardeal destacou no Decreto de instituição da medalha que “todos os Batizados foram constituídos como povo de Deus e são participantes do múnus sacerdotal, profético e régio do próprio Cristo”, acrescentando, inclusive, que a homenagem também será “incentivo para que floresça mais abundantemente a vida eclesial e pastoral nesta Cidade imensa”.

Além disso, foi promulgado um Regulamento e instituída a Comissão da Medalha, coordenada pelo bispo auxiliar Dom Carlos Lema Garcia, e composta pelos padres Luis Eduardo Baronto e Juarez Pedro de Castro.

Segundo o site da Arquidiocese de São Paulo, a data da concessão da Medalha será estabelecida, a cada ano, entre os dias 15 de agosto (Festa de Nossa Senhora da Assunção) e 5 de setembro (aniversário da dedicação da Catedral Metropolitana). A seleção dos homenageados, em conformidade com este Regulamento e seguindo critérios previamente divulgados no Edital de inscrição, ficará a cargo de uma Comissão Julgadora, com 5 membros nomeados pelo Arcebispo.


Com informações da Gaudiumpress.

Deixe seu Comentário